Terry Richardson/EFE
Terry Richardson/EFE

Brasil é fonte de inspiração do calendário Pirelli 2010

Com fotos de Terry Richardson, e participação das modelos brasileiras Ana Beatriz Barros e Gracie Carvalho

EFE,

19 de novembro de 2009 | 21h40

O Brasil e suas belezas naturais, vistas através das lentes do fotógrafo americano Terry Richardson, inspiram a edição 2010 do lendário calendário Pirelli, apresentado nesta quinta, 19 em Londres.

Depois da China, imortalizada por Patrick De Marchelier na edição de 2008, e Botsuana, retratada por Peter Beard para 2009, 2010 é o ano do Brasil e do fotógrafo americano, conhecido por sua obra provocativa.

 

A 37.ª edição do calendário foi apresentada em grande estilo no antigo mercado de pesca de Old Billingsgate, um histórico edifício do século XIX situado na parte leste de Londres.

Georgina Storilijtorix da Sérvia (esq./dir.), Lily Cole da Inglaterra, Melanie Horst da Holanda, Daisy Lowe da Inglaterra, posam no lançamento do Calendário Pirelli. Foto: AP/Joel Ryan

 

Em 30 imagens, modelos como as brasileiras Ana Beatriz Barros e Gracie Carvalho, além de estrelas das passarelas como a australiana Miranda Kerr, aparecem em um contexto selvagem ou em praias exóticas.

 

Richardson quis fazer uma fotografia singela e pura na qual, segundo especialistas, a naturalidade domina.

 

"Um grande fotógrafo captura o momento; é essa a razão pela que fiz as fotos sem um equipamento extraordinário e sem ajudantes", afirma o americano em comunicado.

 

"Minha técnica se baseia na ausência de técnica: a lente é meu olho, meu carisma, minha habilidade para capturar momentos de verdade. Esses sempre foram os aspectos fundamentais da minha obra", acrescenta.

 

Além de Ana Beatriz, Gracie e Miranda Kerr, participam do mais novo calendário Pirelli as australianas Catherine Mcneil e Abbey Lee Kershaw, a húngara Eniko Mihalik, a holandesa Marloes Horst, as britânicas Lily Cole, Daisy Lowe e Rosie Huntingdon, e a sérvia Georgina Stojilijtoric.

Tudo o que sabemos sobre:
calendário pirelli

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.