Brasil é convidado do Outono Cultural Ibero-americano

O saxofonista e compositor brasileiro Leo Gandelmané um dos convidados do evento

EFE

13 de setembro de 2010 | 13h18

O Brasil é o país convidado da 3ª Edição do Outono Cultural Ibero-americano de Huelva deste ano. As atividades que mostram a cultura brasileira incluem música, cinema e literatura.

O saxofonista e compositor brasileiro Leo Gandelman fará um concerto em 25 de setembro no Grande Teatro de Huelva, acompanhado pela também pianista brasileira María Teresa Madeira.

Em 5 de outubro, o escritor brasileiro Alberto Mussa estará na mesma cidade inaugurando o 4º Salão do Livro Ibero-americano promovendo um debate e leituras sobre suas obras junto com outros escritores, críticos e público.

Destaque ainda para a 4ª edição do ciclo Novo Cinema, impulsionado pela FCHB, em novembro em Sevilha (dias 6 e 7) e em Huelva (7 e 8) com a projeção de obras recentes.

Serão exibidos "É proibido fumar", "Terras", "Não se Pode viver sem amor", "O Sol do meio dia" e "Entre a luz e a sombra" de consagrados e novos diretores brasileiros como Maya Da-Rin, Gabriel Mascaro, Jorge Duran, Eduardo Coutinho, Anna Muylaert, Luciana Burlamaqui e João Tikhomiroff.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.