Bourbon promove minifestival de jazz em São Paulo

Quem for ao Bourbon Street de hoje a quinta-feira assistirá jazz de qualidade e de grandes nomes. Mal terminou o Bourbon Fest, o templo do gênero em Moema, na zona sul de São Paulo, dá início ao minifestival Jazz Nights. No elenco, nomes de peso do jazz contemporâneo, como Joshua Redman, Aaron Goldberg, e de veteranos, como o brasileiro João Donato e Bud Shank.O saxofonista Joshua Redman abre hoje o evento. Esta será a segunda vinda de Joshua a São Paulo, e desta vez ele faz uma ?maratona? de duas apresentações seguidas - às 21h e 23H30. Vale a pena conferir o talento herdado do pai Dewey Redman, também saxofonista. Para quem revelou Brad Mehldau, recente grande nome do piano, Joshua não vem acompanhado de qualquer músico. Para estas apresentações ele vem escudado por Matt Penman, no baixo, e a bateria de Gregory Hutchinson.Mas o minifestival ainda traz outras boas atrações ao longo da semana. Quem aporta no Bourbon amanhã é o pianista Aaron Goldberg, que já esteve pelo Brasil acompanhando os shows de Madeleine Peyroux e Winton Marsalis. Ao que a especializada DownBeat Magazine chamou de uma ?nova e muito bem-vinda linguagem?, Aaron mostra também empatia com a música brasileira. Em ?Worlds? ele gravou uma canção de Djavan e outra de Tom Jobim.A ponte musical entre a bossa nova brasileira e jazz norte-americano ressurge na quinta com o reencontro do piano de João Donato e o sax alto de Bud Shank. Para o repertório da apresentação, Shank e Donato escolheram clássicos de seus países como: ?Night and day? e ?Manhã de carnaval?.Jazz Nights. Bourbon Street. Rua dos Chanés, 127, São Paulo. Tel. (11) 5095-6100. Joshua Redman Trio: terça, às 21h e 23h30. Couvert artístico: R$ 120,00. Aaron Goldberg: quarta, às 22h. Couvert artístico: R$ 65,00. Bud Shank e João Donato: quinta, às 22h. Couvert artístico: R$ 65,00.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.