Bolshoi fecha as portas para reformas de três anos

O Bolshoi, famoso teatro de Moscou, fecha as portas neste sábado para três anos de reforma, que terão um custo estimado de US$ 700 milhões, informou a assessora de imprensa Svetlana Zavorotna.O teatro, danificado pela passagem do tempo, foi construído há 150 anos, sobre um terreno pantanoso, e as obras visam a consolidar suas bases e criar um amplo espaço subterrâneo.Também será modernizado o interior do prédio, e o projeto prevê a construção de um palco duplo móvel, mas que manterá as características do atual.As obras modificarão igualmente a acústica do prédio, e um terço dos gastos será destinado à restauração da suntuosa decoração da sala de espetáculos.Durante estes três anos, a companhia do Bolshoi atuará no segundo palco do teatro, aberto em 2002, ao lado do prédio principal, e sairá em turnê com mais freqüência.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.