Bilionário decide esta semana se Miss EUA perde a faixa

A Miss Estados Unidos 2006, Tara Conner, de 20 anos, pode perder sua faixa devido a diversas alegações de mau comportamento, segundo anunciou o jornal britânico Times. O dono do concurso Miss Universo, o bilionário Donald Trump, que também é apresentador do programa televisivo O Aprendiz, decidirá se vai ou não despedir Tara na próxima semana.O escândalo estourou apenas um mês depois que a Miss Reino Unido, Danielle Lloyd, perdeu a sua faixa por ter posado para a revista Playboy e ter namorado o jogador Teddy Sheringham, antes de ele ter sido jurado do concurso. A organização do Miss Universo alegou na sexta, ainda segundo o Times, que está avaliando "o comportamento e questões pessoais" de Tara, após a mídia ter reportado que ela tem aparecido bebendo nos bares de Nova York. Nos Estados Unidos é proibido consumir bebida alcoólica antes de se completar 21 anos. "Nós temos que tomar uma decisão", disse Trump. "Não há dúvida disso".A porta-voz do concurso Miss Universo disse que a "Miss EUA é um modelo moral. Há regras morais que nós defendemos".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.