Bienal do Livro recebe 296 mil pessoas em 6 dias

Evento, no Pavilhão de Exposições do Anhembi, espera receber mais de 800 mil pessoas até domingo

Da Redação,

22 de agosto de 2008 | 12h48

A 20ª Bienal Internacional do Livro de São Paulo, a mais tradicional feira do mercado editorial brasileiro, registrou de quinta-feira passada, 14, até terça, 19, um público de 296 mil pessoas. O evento, que acontece no Pavilhão de Exposições do Anhembi, espera receber mais de 800 mil pessoas até o último dia, domingo, 24. Uma pesquisa realizada com os visitantes durante o final de semana constatou que cerca de 67,4% participam de alguma atividade cultural que a Bienal oferece. Os programas foram avaliados e o espaço infanto-juvenil Ler é a Minha Praia foi o que recebeu a maior nota - 9,82, em uma escala de 0 a 10. A avaliação geral da Bienal foi de 94,4%. Além do Ler é a Minha Praia, a Bienal oferece também a atividade Salão de Idéias, no qual 40 convidados estrangeiros e 75 nacionais vão discutir sobre sua obra e suas idéias. Já o Espaço Literário pretende estimular o debate sobre as principais efemérides de 2008, como os 200 anos da vinda da família real ao Brasil, o centenário da imigração japonesa e os 100 anos de morte de Machado de Assis e de nascimento de Guimarães Rosa. O Fala, Professor! e Espaço Universitário buscam ampliar o conhecimento de mestres e alunos.  20.ª Bienal Internacional do Livro de São Paulo. Pavilhão de Exposições do Anhembi. Av. Olavo Fontoura, 1.209. 10 h às 22 h. R$ 10. Até 24/8.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.