Divulgação
Divulgação

Bienal de São Paulo anuncia artistas participantes da 30ª edição

O curador Luis Pérez-Oramas procurou estabelecer vínculos entre artistas de diferentes tendências

CAMILA MOLINA, O Estado de S.Paulo

13 de abril de 2012 | 03h11

A 30.ª Bienal de São Paulo, sob o título A Iminência das Poéticas, que ocorrerá entre 7 de setembro e 9 de dezembro, não será recheada de artistas que fazem parte do mainstream das artes, mas repleta de criadores emergentes, muitos deles desconhecidos do público brasileiro. Dos 110 nomes anunciados ontem como participantes desta edição do evento, podem-se destacar, por exemplo, consagrados como o norte-americano Robert Smithson (expoente da land art), o brasileiro Arthur Bispo do Rosário ou o alemão Hans-Peter Feldmann, mas a proposta curatorial é apresentar uma Bienal que não seja "de personalidades individuais, mas de vínculos" entre os trabalhos dos artistas, afirmou o curador venezuelano Luis Pérez-Oramas. Mais ainda, exibir cerca de 60% de obras inéditas ou criadas especialmente para a mostra.

Toda incerteza que cercou a realização da 30.ª Bienal em 2012, enquanto a instituição teve, judicialmente, suas contas bloqueadas, gerou "angústia", como disse Oramas na coletiva de imprensa promovida ontem para apresentação da lista de artistas, do projeto educativo (coordenado por Stela Barbieri) e da identidade visual da mostra, que terá 30 cartazes (processo chefiado por André Stolarski). "A diretoria (da Fundação Bienal de São Paulo) falou muito precisamente sobre os problemas e disseram (para nós) 'continuem trabalhando'. As equipes foram pagas, tivemos prudência e todos os artistas tiveram confiança", continuou o curador-geral desta edição. O episódio está "superado", disse o diretor presidente da instituição, Heitor Martins. Segundo ele, o orçamento da mostra, aprovado pelas Leis de Incentivo, é de R$ 21 milhões.

Dos 110 criadores participantes, selecionados por Oramas (curador licenciado do Museum of Modern Art de Nova York) e pelos cocuradores André Severo, Tobi Maier e Isabela Villanueva (assistente), 23 são brasileiros - entre eles, Alair Gomes, Sofia Borges, Rodrigo Braga, Nino Cais, Thiago Rocha Pitta e o concretista Waldemar Cordeiro. "Os artistas não estão representando temas, grupos de nações: estão por suas obras, conteúdos, investigações", disse Oramas. É de se destacar, também, a presença de latino-americanos. "Um dos critérios da seleção dos participantes foi tentar não repetir artistas que estiveram, pelo menos, nas últimas duas ou três Bienais", afirmou o curador-geral.

Apesar da crise institucional ocorrida este ano, Pérez-Oramas, que foi anunciado em fevereiro de 2011 como organizador da 30.ª edição, conservou o número de artistas que previa, desde o ano passado, para a mostra A Iminência das Poéticas. Será uma Bienal que apostará em "experiências de diálogos, de percepções" entre obras e com o espectador - formada por "constelações", define o curador. "Uma Bienal contra a ideologia da imagem", afirmou Oramas, em que uma das questões será a da memória e não a da nostalgia. A exposição, com expografia do arquiteto brasileiro Martin Corullon, terá cinco "zonas curatoriais": Sobrevivências, Alterformas, Derivas, Vozes e Reverso -esta última, com obras apresentadas em outros espaços da cidade que não apenas o Pavilhão da Bienal no Ibirapuera, como a Casa Modernista, a Capela do Morumbi e o Masp.

Lista de artistas participantes da Bienal de São Paulo:

1. Absalon

2. Alair Gomes

3. Alberto Bitar

4. PPPP (Productos Peruanos Para Pensar)

5. Alejandro Cesarco

6. Alexandre da Cunha

7. Alexandre Moreira

8. Alfredo Cortina

9. Ali Kazma

10. Allan Kaprow

11. Ambroise Ngaimoko(Studio 3Z)

12. Andreas Eriksson

13. Anna Oppermann

14. Arthur Bispo do Rosario

15. Athanasios Argianas

16. August Sander

17. Bas Jan Ader

18. Benet Rossell

19. Bernard Frize

20. Bernardo Ortiz

21. Bruno Munari

22. Cadu Costa

23. Charlotte Posenenske

24. Christian Vinck

25. Ciudad Abierta

26. Daniel Steegmann

27. Dave Hullfish Bailey

28. David Moreno

29. Edi Hirose

30. Eduardo Berliner

31. Eduardo Gil

32. Eduardo Stupia

33. Elaine Reichek

34. Erica Baum

35. Fernand Deligny

36. Fernanda Gomes

37. f.marquespenteado

38. Fernando Ortega

39. Franz Erhard Walther

40. Franz Mon

41. Frederic Bruly

42. Gego

43. Guy Maddin

44. Hans Eijkelboom

45. Hans-Peter Feldmann

46. Hayley Tompkins

47. Helen Mirra

48. Hélio Fervenza

49. Horst Ademeit

50. Hreinn Fridfinnsson

51. Hugo Canoilas

52. Ian Hamilton Finlay

53. Ícaro Zorbar

54. Ilene Segalove

55. Iñaki Bonillas

56. Ivan Argote & Pauline Bastard

57. Jerry Martin

58. Ji.i Kovanda

59. John Zurier

60. Jose Arnaud-Bello

61. Juan Iribarren

62. Juan Luis Martinez

63. Juan Nascimento & Daniela Lovera

64. Jutta Koether

65. Katja Strunz

66. Kirsten Pieroth

67. Kriwet

68. Leandro Tartaglia

69. Lucia Laguna

70. Marcelo Coutinho

71. Marco Fusinato

72. Maryanne Amacher

73. Mark Morrisroe

74. Martin Legon

75. Meris Angioletti

76. Michel Aubry

77. Mobile Radio

78. Moris

79. Moyra Davey

80. Nicolas Paris

81. Nino Cais

82. Nydia Negromonte

83. Odires Mlászho

84. Olivier Nottellet

85. Pablo Accinelli

86. Pablo Pijnappel

87. Patrick Jolley

88. Paulo Vivacqua

89. Ricardo Basbaum

90. Robert Filliou

91. Robert Smithson

92. Roberto Obregon

93. Rodrigo Braga

94. Runo Lagomarsino

95. Sandra Vasquez de la Horra

96. Saul Fletcher

97. Savvas Christodoulides

98. Sergei Tcherepnin & Ei Arakawa

99. Sheila Hicks

100. Sigurdur Gudmundsson

101. Simone Forti

102. Sofia Borges

103. Tehching Hsieh

104. Thiago Rocha Pitta

105. Thomas Sipp

106. Tiago Carneiro da Cunha

107. Viola Yesiltac

108. Waldemar Cordeiro

109. Xu Bing

110. Yuki Kimura

Tudo o que sabemos sobre:
Bienal de São Paulo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.