Bicudo quer indenização do SBT por farsa do PCC

O vice-prefeito de São Paulo, Hélio Bicudo, entrou com uma ação de indenização por danos morais contra o Sistema Brasileiro de Televisão (SBT), na 3ª Vara Cível de Osasco. Segundo o advogado Alfredo Divani, a falsa reportagem exibida no dia 7 de setembro, divulgando ameaças que teriam partido do Primeiro Comando da Capital (PCC), expôs a vida do vice-prefeito e de sua família, já que qualquer pessoa poderia acusar a facção criminosa de qualquer crime.Além disso, a citação de seu nome na encenação é uso indevido de sua imagem, dizem os advogados do vice-prefeito. Se Hélio Bicudo ganhar a causa, o juiz decidirá o valor da indenização a ser paga. A reportagem fictícia simulava uma entrevista com membros do PCC, que seriam conhecidos pelos codinomes "Alpha" e "Beta". Nela, fazem diversas ameaças contra o vice-prefeito, entidades religiosas e apresentadores de TV. Em setembro, Bicudo entregou representação ao procurador-geral da Justiça, Luiz Antônio Guimarães Marrey, pedindo a instauração de ação penal, por crime de ameaça.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.