Bia seqüestra Sabina em um dos finais de Belíssima

A entrada de Belíssima na sua última semana começa com a trama apontando para os três finais programados por Silvio de Abreu para despistar o público e a imprensa. Bia (Fernanda Montenegro) seqüestra Sabina (Marina Ruy Barbosa).No capítulo de sábado, Bia pede que Sabina não conte para Vitória o que elas conversam e promete à menina que vai levá-la para conhecer vários países. Bia dirá a Medeiros (Ítalo Rossi), que vai sumir no mundo com Sabina. Está dado o mote para um dos finais programados pelo autor Silvio de Abreu.Segundo o site da revista Tititi, neste caso, Bia vai para a cadeia após denúncia de seu cúmplice Medeiros (Ítalo Rossi), ao se ver sozinho e sem defesa, e o grande vilão é Cyro (Nicola Siri). O autor já tinha dado pistas de que ele teria se casado com Júlia (Glória Pires), interessado em seu dinheiro, colocando dúvidas sobre seu caráter. O delegado Gilberto vai descobrir tudo e prender o italiano e Júlia fica com Nikos (Tony Ramos).O final para Rebeca (Carolina Ferraz) seria convencer Karen (Mônica Torres) a seduzir Alberto (Alexandre Borges) e se casar com ele para que ela continue sendo sua amante. Em outro final, Rebeca e Karen terminariam com um início de romance.Já Bia (Fernanda Montenegro) vai parar na cadeia ao tentar fugir com Sabina (Marina Ruy Barbosa) para o exterior. Seu cúmplice, Medeiros (Ítalo Rossi), descobre que a vilã fugiu, deixando-o sozinho e sem defesa. O advogado, então, decide entregar tudo o que sabe à políciaQuem é dono ou dona da voz que dá ordens a André, e portanto, seria a grande vilã da história e quem é o filho de Bia (Fernanda Montenegro) e Murat (Lima Duarte) são as grandes questões da novela. Seguindo a mesma linha de Bia Falcão que morreu em um acidente e mais tarde voltou à cena, o autor está dando pistas de que outros personagens podem não ter morrido. É o caso de Quiqui, o pai de André e Mônica e de Stella, filha de Bia e mãe de Júlia, que tinha 8 anos quando os pais morreram em um acidente de avião. "Aquela cena do avião caindo e lançando Stella para fora, alguém sabe o que realmente aconteceu com ela?" pergunta o próprio Silvio de Abreu.Outras versõesOutra versão indica que Gigi (Pedro Paulo Rangel) com seu perfil de cinéfilo que vive mais as tramas do cinema do que da vida real, foi quem planejou o golpe contra Júlia. Neste caso ele seqüestra Júlia e André vai salvá-la e morre. Já Cyro vai para a Itália com a filha Érica (Letícia Birkheuer) e Giovana (Paola Oliveira) fica com Mateus (Cauã Reymond), enquanto Ornela (Vera Holtz) arranja outro garotão. A terceira versão de Silvio de Abreu, segundo aposta da Tititi resulta na morte de Bia ao tentar salvar a bisneta do grande vilão, e neste caso, Júlia terminaria com André e Nikos ficaria sozinho na Grécia.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.