Divulgação
Divulgação

Beleza cotidiana, em branco e preto

Imagens dos anos 30 produzidas por Walter Evans são expostas no Masp

O Estado de S. Paulo,

25 de setembro de 2009 | 08h33

Em 1936, Walker Evans (1903- 1975) foi convidado pela Fortune para retratar a vida de agricultores do Alabama. O resultado não foi aceito pela revista, mas até hoje a obra é considerada um marco. O MoMA, de Nova York, exibiu as imagens na primeira exposição fotográfica feita pelo museu. Agora, o trabalho chega ao Masp, na quinta (1/10).

 

A exposição de 120 fotos percorre 50 anos da produção do fotógrafo norte-americano, que, em 1928, registrou arranha-céus de Nova York em ângulos ousados para a época. O interesse de Evans pela beleza cotidiana também está na retrospectiva. "Ele era muito atraído pelas pessoas; e era sensível às desigualdades sociais", avalia Pablo Jiménez, diretor de cultura da Fundación Mapfre, parceira na realização da mostra.

 

 

Onde: Masp. Av. Paulista, 1.578, 3251-5644.

Quando: 11h/18h (5ª, 11h/20h; fecha 2ª).  Abre 5ª (1/10). Até 10/1.

Quanto: R$ 15 (3ª, grátis).

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.