Beijo entre Júnior e Zeca, suspense de "América"

Glória Perez não conta o que reservou para os dois últimos capítulos de América. Para garantir suspense absoluto, já distribuiu finais falsos para vários atores do elenco. Entre os momentos mais aguardados do desfecho está a cena em que Júnior (Bruno Gagliasso) assume sua homossexualidade para a mãe (Eliane Giardini). Ele chega ao fim da história em clima de "beija ou não beija?", exatamente como aconteceu com os personagens homossexuais de Mulheres Apaixonadas (2003) e Senhora do Destino (2004). O próprio ator ainda não sabe se o tal beijo entre Júnior e o peão Zeca (Erom Cordeiro) vai mesmo acontecer, mas garante que está tranqüilo diante da possibilidade. "Se o beijo vier, será bem-vindo. Beijar na boca na TV é muito comum, em qualquer situação", diz. "Com o Júnior, eu me sinto prestando um serviço para as pessoas e contribuindo para o fim do preconceito", concluiu. Já no capítulo da próxima sexta, Zeca aconselha Júnior a assumir o que sente.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.