"BBB2" não apresenta novidades

O episódio de estréia de BigBrother Brasil 2, que foi ao ar terça-feira na Rede Globo,deu uma pequena mostra do que virá pela frente. Um reality showcom nova roupagem, mas mesmo conteúdo, se comparado com suaprimeira versão. Nenhuma novidade. A mesma euforia inicial dosparticipantes, o momento de confraternização, de identificarpossíveis aliados e inevitáveis desafetos.Para o telespectador, foi a oportunidade de definir, a grossomodo, as personalidades de cada um: a boa moça, a venenosa, aalto-astral, o rude, o galã, o paquerador, o extrovertido e poraí vai. O vendedor pernambucano Moisés é o único negro da casa etem grandes chances de ocupar em popularidade o posto deixadopor Kléber "Bambam", vencedor do primeiro BBB. Simples efalastrão, Moisés é a representação do povo brasileiro, em meioa espécimes da classe média. Foi o único que aceitou dormir nochão, enquanto os demais companheiros de quarto não abriram mãode uma confortável cama. No quarto, só havia cinco camas paraseis pessoas.Na quarta-feira, o vendedor Jeferson, de Carapicuíba (SP), foieleito o primeiro líder da semana e ganhou um Fiat Siena, apósvencer uma prova em que os participantes deveriam permanecersentados, sem dormir, deitar ou levantar.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.