Baryshnikov se inspira em tango e Caetano para dançar

O dançarino Mikhail Baryshnikov confessouhoje em Madri que se inspira em ritmos brasileiros de CaetanoVeloso, no tango argentino e no flamenco para dançar. Baryshnikov, que em 1990 mudou do estilo clássico do AmericanBallet para a dança contemporânea, apresentará em Madri de 13 a 16de julho seu último espetáculo, Hell´s Kitchen Dance, a primeiraprodução de sua companhia e idealizada por jovens talentos. Essa companhia, a Baryshnikov Dance Foundation, foi criada,segundo o dançarino, para ajudar jovens artistas a obter o sucessoem um mundo tão turbulento como o da dança, sem ter de passar pelahostilidade que existia quando ele chegou aos Estados Unidos, apósfugir da União Soviética em 1976.Hell´s Kitchen Dance é composta por três peças, duas delas,Come in e Over/Come, coreografadas pelo canadense Aszure Barton,e a terceira, Years Later, pelo francês Benjamin Millepied.Baryshnikov contratou estes artistas por considerá-los "doistalentos de sumo interesse, que já estão se consolidando nos palcosde Nova York e nos Estados Unidos". O espetáculo estreou em junhonos EUA e, na opinião do dançarino, vai além da vanguarda ou deavanços técnicos e procura emocionar o público.Aos 58 anos, Baryshnikov aparecerá no palco a maior parte doespetáculo, em solo ou acompanhado por treze membros do corpo debaile, "muitos dos quais são estudantes ou acabaram de se formar".O dançarino abriu mão de colocar sua marca pessoal no espetáculopara dar "carta branca aos jovens", o que, reconheceu, "às vezesfunciona e outras vezes não".Em Hell´s Kitchen Dance, Baryshnikov junta "tendênciasecléticas" e trabalha pela primeira vez com projeções de vídeo. O dançarino se declarou "europeu de coração", mas falou dosEstados Unidos como "um país de emigrantes, uma mistura portentosa,que criou um momento muito interessante". Entre seus planos futurosnão está retornar ao balé clássico, já que, comentou, tem "ocoração, a mente e a alma na dança contemporânea". Baryshnikov também não pensa em retomar sua carreira de ator, quedeu a ele uma nomeação ao Oscar em 1977 por sua interpretação emMomento de Decisão ("The turning point"), de Herbert Ross.Recentemente o dançarino apareceu na TV como namorado de SarahJessica Parker na série Sex and the City.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.