Bandeirantes cria ´usina´ de canais pagos

Band News é só o começo. Satisfeita com o desempenho de seu canal de notícias, a Rede Bandeirantes investe agora na criação da Band Programadora, empresa que atuará como uma usina de canais pagos do grupo Saad. Segundo Roberto Oliveira, vice-presidente responsável por TV paga e novos negócios da rede, dois projetos seguirão a trilha aberta pelo Band News. O primeiro a estrear será um canal especializado em esportes, a ser lançado no início do ano que vem. Outro, só com filmes, ainda não tem data definida. "Começaremos agora a definir parcerias e organizar a estrutura das novas emissoras", diz Oliveira. "A distribuição será feita pela DirecTV, como já ocorre com o Band News." A Bandeirantes está otimista com o projeto. "O Band News atingiu rapidamente um ponto de equilíbrio financeiro e já se paga", diz Oliveira, que no entanto omite valores. No ar desde 19 de março, o Band News envolveu um investimento de US$ 6 milhões, empacota a produção jornalística de 72 emissoras da rede espalhadas pelo País e hoje está disponível para 1 milhão de assinantes da DirecTV, TVA e Neo TV. A idéia do grupo é investir em produtos que possam vingar também na TV paga. De olho no futuro canal esportivo, a Band lança hoje, às 9h30, um quadro da personal trainer Solange Frasão no Dia a Dia. E para valorizar o Band News, a emissora inclui um bloco do canal pago em sua programação nacional, a partir de hoje, de segunda a sexta-feira, das 8h às 8h30. A produção entra no lugar do Dia Dia Notícias, que dava 2 pontos de audiência, quatro vezes mais que o Dia a Dia.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.