Band terá canal rural a partir de março

Terra Viva é o nome do canal rural que o grupo Bandeirantes vai lançar em março. Vontade antiga do presidente do grupo, Johnny Saad, Terra Viva começou a sair do papel de fato há um ano. Será um canal pago - inicialmente sintonizado pelos assinantes da Directv e gratuitamente por quem tem parabólica - e terá o conteúdo voltado para o mundo do homem do campo: agrobusiness, noticiários especializados em pecuária, avicultura e leilões."O Johnny pensa em ter um canal rural há pelo menos sete anos, a família Saad é ligada ao agronegócio, entende do assunto e gosta muito", conta o diretor do Terra Viva, Aguinaldo Di Fiore. "Estamos agora na fase da implementação do canal, contratação de pessoal, formatação da grade." Terra Viva terá seus estúdios construídos bem ao lado dos da Band News e um investimento inicial de US$ 3 milhões. A Band conta com a sociedade de Jovelino Mineiro na empreitada, além de outros investidores. Esta sociedade, entre outros fatores, fez com que o projeto do Terra Viva passasse na frente do de outros canais que o grupo pretende lançar, como o de um canal jovem. A grade do Terra Viva terá noticiários, cotações, informações meteorológicas e leilões. A emissora contará até com unidades móveis que cobrirão os leilões mais importantes de cada Estado. "Os leilões estarão em nossa programação noturna e durante o fim de semana", conta o diretor do canal. "O lançamento do Terra Viva em muito tem a ver com a época em que os leilões de gado começam a ganhar força, que é março. Já temos leilão agendado para nossa primeira semana de transmissão." Ainda sem nomes definidos para seu cast, o Terra Viva pretende contar com a participação de estrelas da Band no canal. O jornalista Carlos Nascimento, por exemplo, é um dos que manifestaram interesse em participar do projeto. "O Nascimento já apresentou o Globo Rural, adora o assunto e está nos ajudando muito. Ele poderá ser uma espécie de comentarista no canal", fala o diretor.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.