Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Babel

Editora Unesp lança segunda leva de obras na rede

Raquel Cozer, O Estado de S.Paulo

05 de março de 2011 | 00h00

Quando pôs 44 obras inéditas em PDF para download gratuito na internet, em março passado, a Unesp não dimensionava a procura que teriam. Em um ano, a Coleção Propg Digital, com conteúdo da pós-graduação da universidade, já teve quase 92 mil downloads no site www.culturaacademica.com.br, além de 3.728 downloads de quatro desses títulos disponíveis no site da Saraiva. "Fizemos isso pela necessidade de publicar para qualificar a produção docente. Não esperava essa resposta", diz Jézio Gutierre, editor executivo da Editora Unesp. Hits como Indexação de Livros, de Mariângela Spotti Fujita, com 12 mil downloads, saem em papel no 2º semestre. E, até o final deste mês, entra no ar a segunda leva, com 49 títulos em PDF e, em breve, também em ePub (formato padrão de e-books). Entre os novos destaques, está Monteiro Lobato nas Páginas do Jornal, estudo de textos do autor no Estado, de Thiago Alves Valente.

NEGÓCIO

Quase lá

Estão bem avançadas as negociações para a Leya Brasil adquirir parte da Casa da Palavra. O braço brasileiro da multinacional, uma das editoras de maior crescimento no País em 2010, deve ter participação muito importante no capital da empresa carioca.

HOMENAGEM

Bishop em Ouro Preto

Já tem data o 7.º Fórum das Letras de Ouro Preto: de 9 a 15 de novembro. E, desta vez, o evento acontecerá em conjunto com um colóquio internacional em homenagem ao centenário de Elizabeth Bishop (1911-1979). A poeta americana, que morou algum tempo na cidade mineira, terá a obra discutida por especialistas de várias universidades. "Será de altíssimo nível. Esperamos afluência de muitos pesquisadores de outros países", diz Guiomar de Grammont, idealizadora do Fórum.

BIOGRAFIA-1

Presente para os fãs de Dylan

Quando maio chegar, e Bob Dylan completar 70 anos, os fãs do músico terão acesso à primeira tradução no País da aclamada biografia No Direction Home, lançada em 1986 por Robert Shelton (1926-95) - antigo crítico do New York Times cujo texto sobre "um brilhante novo rosto na música folk", de 1961, apresentou Dylan ao grande público.

*

A versão que chega pela Larousse do Brasil é a mesma que americanos conhecerão no mês do aniversário do músico, totalmente revisada por Liz Thomson - amiga de Shelton e preparadora do livro em 1986. A nova edição recupera vários trechos do texto original e inclui prefácio inédito do autor sobre os anos em que conviveu com Dylan.

*

Além dessa e de outras reedições, saem em maio nos EUA ao menos quatro novos títulos sobre o músico, incluindo biografia ilustrada acerca dos anos de formação, When Bob Met Woody, para leitores de 9 a 12 anos.

BIOGRAFIA-2

Gênio perturbado

Polanski: A Biography, lançado nos EUA em 2009, sai pela Nova Fronteira em junho. No livro,

Christopher Sandford, autor de biografias de Eric Clapton e David Bowie, descreve como "um alien permanente" o diretor de O Bebê de Rosemary.

CARTUNS

Para gostar de desenhar

Trata-se do "melhor livro já escrito", segundo a cartunista americana Linda Barry. Com lançamento no fim do mês nos EUA e direitos recém-adquiridos pela WMF Martins Fontes, Cartooning: Philosophy and Practice (imagem) é uma aula para qualquer um virar cartunista. O professor é Ivan Brunetti, colaborador da New Yorker conhecido como "o rei do cartum contemporâneo". O método pode ser visto em trailer recém-divulgado pela Yale University Press (em bit.ly/brunetti). No Brasil, fica para o ano que vem.

ROMANCE

O desafio de Loyola

Depois de cinco anos, Ignácio de Loyola Brandão retomou o romance O Enforcado de Terno Amarelo (título provisório). O motivo da interrupção, ele diz, foi "medo": "A estrutura é muito diferente, fiquei bloqueado". A proposta inclui capítulos-contos, sequenciais ou isolados, tempo cronológico abolido e real intercalado com absurdo. Sem previsão de conclusão, sai pela Global, assim como a recente reedição de Zero (1975), obra de formato nada usual de Loyola que virou marco da literatura no País e teve quase 1 milhão de cópias vendidas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.