Autora de "Harry Potter" está em crise, diz jornal

A criadora de Harry Potter, J.K. Rowling, de 38 anos, está em crise com seu personagem, e por isso tem retardado entregar o quinto volume da série milionária, originalmente previsto para o ano passado. As especulações partem da imprensa britânica, segundo a qual a editora Bloomsbury ainda não tem uma única linha do novo livro. Os quatro anteriores saíram pontualmente, todo mês de julho.O biógrafo da escritora, Sean Smith, atribui a crise à repentina fortuna que lhe renderam as aventuras do feiticeiro mirim. "Ela nunca sonhou ser tão rica", disse ele ao Daily Mail. "Tem uma vida privada muito feliz, uma mansão em Londres, outra em Edimburgo, castelo na Escócia, e desapareceu o apetite de escrever: a criatividade nasce da adversidade", filosofa.A escritora se casou em 2001 com o anestesista Neil Murray, oito anos mais jovem, e há muito deixou de viver de traduções para sustentar seu filho. Nigel Newton, presidente da editora, tem desmentido problemas com a série. Diz que J.K. está escrevendo o quinto volume, e que se chamará A Ordem do Fênix. "E sua intenção é chegar até o sétimo livro, como prometido", diz.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.