Atriz Lindsay Lohan começa a realizar serviços comunitários

Pena alternativa é resultado de acordo de seus advogados, que trocaram encarceramento pelos serviços

Efe,

13 de novembro de 2007 | 16h00

A atriz americana Lindsay Lohan começou a realizar serviços comunitários como parte do acordo obtido após ter sido detida em duas ocasiões por dirigir sob os efeitos de álcool e drogas, em julho e agosto. A atriz, de 21 anos, foi condenada a quatro dias de prisão, mas seus advogados conseguiram com que, em troca do encarceramento, ela realizasse dez dias de serviços comunitários, embora deva ficar um dia na cadeia devido a sua primeira detenção, em julho. Segundo a edição digital da revista People, a atriz foi na segunda-feira, 12, ao centro de transfusões de sangue da Cruz Vermelha dos Estados Unidos em um subúrbio de Los Angeles, onde foi recebida no estacionamento por funcionários do local, que a levaram para dentro do prédio. Lindsay deixou no dia 5 de outubro o centro de reabilitação Cirque Lodge, em Utah, onde estava internada desde agosto.

Tudo o que sabemos sobre:
Lindsay Lohan

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.