Atriz Jane Wyman, primeira esposa de Reagan, morre aos 90

Jane Wyman, que ganhou um Oscarcomo atriz em Holywood, foi casada com Ronald Reagan etornou-se popular na década de 1980 com a série "Falcon Crest",morreu na segunda-feira, aos 90 anos, em sua casa, nalocalidade de Rancho Mirage, segundo um funcionário do velóriolocal. Wyman casou-se em 1940 com o também ator e futuropresidente dos EUA Ronald Reagan, de quem se divorciou em 1948. Nascida no Missouri, ela havia começado sua carreira comocantora de rádio e fez sua primeira aparição no cinema comocorista no musical "O Rei dos Empresários" ("King ofBurlesque") em 1935. No ano seguinte, assinou contrato com oestúdio Warner Bros. Seu primeiro papel, pequeno, foi em "GoldDiggers" (1937). Inicialmente moldada como uma loira atrevida e às vezesdesbocada, Wyman passou uma década entre filmes B e pontas emgrandes produções. Mas, em 1945, chamou a atenção por seu papelcomo namorada de um alcoólatra no drama "Farrapo Humano", deBilly Wilder. Depois disso, Wyman apareceu mais como morena e com cabeloscurtos. Foram várias indicações ao Oscar como protagonista,entre elas "Virtude Selvagem" (1946), em que contracenava comGregory Peck. Em 1948, recebeu o Oscar de melhor atriz pelo papel de umaadolescente surda-muda --que ela interpretou aos 34 anos-- em"Belinda", um forte filme "feminino" dirigido por JeanNegulesco. (Por Steve Gorman)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.