Atriz de Lost prefere cadeia a serviço comunitário

A atriz da série de TV americana Lost Michelle Rodriguez alegou ser culpada da acusação de dirigir alcoolizada nesta terça-feira, escolhendo pagar uma multa de US$ 500 e passar cinco dias na prisão a prestar 240 horas de serviço comunitário. Michele, que interpreta a policial Ana Lúcia, e a atriz Cynthia Watros, também de Lost, foram acusadas de dirigir alcoolizadas, após terem sido autuadas no dia 1.º de dezembro, em veículos separados, mas em um intervalo de apenas 15 minutos.As atrizes foram vistas dirigindo em círculos em um estrada em Kailua, na ilha de Oahu, onde Lost é filmado. As duas foram reprovadas nos testes do bafômetro. Michele apresentou um nível de álcool no sangue de 0.17, mais que o dobro permitido e Cynthia 0.10.Michele foi detida pelas autoridades na Delegacia do Distrito de Kaneohe no mesmo dia e nesta terça-feira, um juiz concedeu à atriz a opção de ser presa ou prestar serviço comunitário. Em 2004, Michele foi acusada de dirigir alcoolizada entre outras violações de trânsito. Ela completou o programa de alcoolismo de três meses e está sob liberdade condicional por três anos.Cynthia, que interpreta a personagem Libby na série, também declarou-se culpada em janeiro, pagou uma multa de US$ 312 e teve que participar de um programa de aconselhamento de 14 horas. Ela também teve seu direito de dirigir suspenso por 90 dias.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.