Atriz da Globo foi parar na delegacia após show do U2

A atriz Cléo Pires, de 23 anos, da TV Globo, filha mais velha da veterana Glória Pires, foi parar no plantão do 34º Distrito Policial, em Vila Sônia, região do Morumbi, na zona sul da capital paulista, no final da noite de terça-feira. O motivo foi um desentendimento entre um rapaz, cujo nome não foi revelado pela polícia, supostamente namorado dela, e policiais militares do 16º Batalhão.A confusão ocorreu em frente ao estádio do Morumbi, na saída do show da banda irlandesa U2. Segundo as primeiras informações, um grupo, formado pela atriz, o suposto namorado e outras duas pessoas, pediu para usar o sanitário de um posto da Polícia Militar montado em frente ao estádio, mas o rapaz que acompanhava Cléo foi barrado por um dos policiais.Irritado, ele deu um tapa na mão do policial e teve início a discussão. Alegando desacato, os policiais militares encaminharam o grupo para a delegacia. A informação de que a polícia teria usado gás mostarda contra o jovem não foi confirmada pelo tenente-coronel Vanderlei Medeiros, comandante do 16º Batalhão. O oficial da PM não permitiu que a imprensa entrasse na delegacia nem forneceu informações sobre o ocorrido.

Agencia Estado,

22 de fevereiro de 2006 | 05h18

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.