Ator Gary Coleman morre aos 42 anos

O ator Gary Coleman, astro da série "Minha Família é uma Bagunça", morreu em um hospital de Utah, segundo informações da mídia nesta sexta-feira.

REUTERS

28 de maio de 2010 | 17h14

O site de celebridades Radaronline.com disse que Coleman, de 42 anos, teve desativada a ajuda que o mantinha vivo e relatos similares foram publicados pelo site TMZ.com e a CNN, citando uma porta-voz do centro médico Utah Valley Regional em Provo, Utah.

A porta-voz, que informou mais cedo em comunicado que o ator estava internado respirando por aparelhos após sofrer uma hemorragia cerebral esta semana, não estava imediatamente disponível.

O TMZ.com disse que a mulher do ator, Shannon, tomou a decisão de retirar os aparelhos e ele morreu às 15h05 (horário de Brasília).

Coleman, que sofria de uma doença congênita no rim que brecou seu crescimento, foi hospitalizado depois de sofrer uma hemorragia no crâneo na quarta-feira à noite em sua casa, em Utah, e no dia seguinte estava "consciente e lúcido", antes de piorar.

"Estamos tristes em anunciar que, desde o meio da tarde do dia 27 de maio de 2010, o senhor Coleman está inconsciente e respira por aparelhos", disse o empresário de Coleman, John Alcantar, em comunicado mais cedo.

Coleman, que vivia na cidade de Santaquin, já havia ido ao hospital duas vezes este ano por doenças relacionadas a convulsões.

(Reportagem de Bob Tourtellotte)

Tudo o que sabemos sobre:
GENTEGARYCOLEMAN*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.