Ator de <i>Seinfeld</i> se desculpa por insultos racistas

O ator e humorista Michael Richards, conhecido por interpretar o personagem Cosmo Kramer na série Seinfeld, pediu desculpas publicamente pelos insultos racistas que proferiu durante uma de suas últimas aparições em público.O ator, de 57 anos, compareceu à última edição do programa de David Letterman, de grande audiência, para se explicar. "Não sou racista", declarou, na segunda-feira à noite. Na última sexta-feira, em Los Angeles, insultou dois negros depois que eles disseram a Richards que ele não era engraçado. "Reagi mal, me irritei e disse coisas muito desagradáveis a dois afro-americanos", afirmou o ator.O episódio aconteceu na boate The Laugh Factory e pode ser visto no site TMZ.com. O arrependimento de Richards foi repercutido na terça pelas principais redes de televisão americanas, acompanhadas de comentários de ativistas, que não consideraram satisfatória a atitude do ator. Seu ex-companheiro de série, Jerry Seinfeld, o defendeu. Na opinião de Seinfeld, Richards merece uma chance para se desculpar pelo que considerou um "terrível equívoco". O humorista hispânico Paul Rodríguez, que estava na boate na noite do incidente, também disse que Richards tem direito a se explicar.A carreira de Richards nunca voltou a decolar desde o fim de Seinfeld, em 1998, série que ficou nove anos no ar.O incidente ocorre meses depois de o ator e diretor Mel Gibson proferir insultos anti-semitas ao ser detido por dirigir bêbado, em Malibu. As declarações de Gibson causaram grande polêmica em Hollywood, e provocaram pedidos de outros atores, como Jerry Lewis, de que Gibson não voltasse a trabalhar nesta indústria.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.