Divulgação
Divulgação

Ator de Harry Potter estreia musical da Broadway

Daniel Radcliffe encarna jovem ambicioso em 'How to Succeed in Business Without Really Trying'.

BBC Brasil, BBC

28 de março de 2011 | 11h36

O ator Daniel Radcliffe estreou numa versão do musical How to Suceed in Business Without Really Trying, no teatro Al Hirschfeld, na Broadway, em Nova York.

Na nova versão do espetáculo cinquentenário, Radcliffe vive o ambicioso J. Pierrepoint Finch.

O ator de Harry Potter já tinha atuado na Broadway com a peça britância Equus, mas o novo papel é mais arriscado.

Além de cantar e dançar, o britânico tem que atuar com sotaque americano.

"Pessoalmente, acho muito mais interessante fazer algo que tome um longo tempo de preparação. Me preparei muito para cantar e dançar e é muito mais divertido enfrentar o desafio, em vez de pegar o caminho mais fácil", disse.

Radcliffe afirma que se preparou muito para cantar e dançar na peça

O crítico de teatro nova-iorquino mais influente não ficou muito impressionado com a atuação, mas não faltaram elogios, inclusive de celebridades.

"Foi uma performance muito boa e achei que ele convence como personagem. Quando o ator é bom, é bom", disse Liza Minelli.

O público mundial viu Radcliffe crescer nas telonas como Harry Potter, mas a série cinematográfica do mago-mirim chega ao seu último episódio em julho.

Por isso, alguns se perguntam se a investida em musicais não faria parte de um plano de carreira.

"Só quero continuar trabalhando e não me preocupa com a imagem que o público tem de mim. A única forma de reagir às pessoas que me veem como Harry é continuar trabalhando em coisas assim, ou seja, não é nenhum grande plano, mas um trabalho de cada vez."

Nessa nova fase da vida, Radcliffe vai fazer oito apresentações por semana da peça, até o início de 2012. BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

 

Tudo o que sabemos sobre:
teatrodaniel radcliffeharry potter

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.