Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Associação na pista de roubos de peças

Pela primeira vez na história da arte surge uma geração internacional de especialistas preparada para lutar contra o roubo e o comércio ilegal de obras de arte, uma rede de agentes que formam a Associação para Pesquisas de Crimes Contra a Arte (em inglês, Arca), que nasce com o propósito de perseguir casos de falsificação de peças de arte, vandalismo contra o patrimônio cultural e exploração de obras em guerras, explica o fundador da entidade, Noah Charney. A Arca seleciona e educa seus especialistas, formados em criminologia e história da arte. Apesar de trabalhar em conjunto com agências se segurança, a associação opera em caráter autônomo. / EFE

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.