Assistentes vão substituir Tom Ford na Gucci

O grupo Gucci anunciou hoje os estilistas que vão suceder Tom Ford na direção artística das grifes Gucci e YSL. Na primeira, a vaga será preenchida por três estilistas pouco conhecidos que já trabalhavam na casa dando assistência a Ford: Alessandra Facchinetti, John Ray e Frida Giannini. Na YSL, quem assume é Stefano Pilati. O anúncio põe fim às especulações quanto ao futuro das grifes. Ford chegou à Gucci há dez anos. Suas criações foram decisivas para o reerguimento da marca. No final do ano passado, fracassaram as negociações para renovação de seu contrato, e este ano ele se despediu do circuito fashion com desfiles em Milão, para a Gucci, e em Paris, para a YSL, no último domingo. Ele agora pensa em virar diretor de cinema.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.