As nações

Sol em oposição a Urano e Júpiter; a Lua se aproxima da fase Cheia transitando por Peixes.

Quiroga, O Estado de S.Paulo

21 de setembro de 2010 | 00h00

Todas as nações escolhem o destino que instituirão como o legado que se transmitirá ao longo de gerações até que um novo Espírito do Tempo, se encontrar gente disposta a expressá-lo, se encarregará de promulgar um destino diferente. As grandes tendências nunca se percebem através de vozes altissonantes ou espetáculos retumbantes, mas pelos pequenos detalhes, mudanças de tom nos discursos e temas de conversas aparentemente banais. Todas as nações merecem o nome que levam porque constituem uma unidade que congrega todas as diferenças que lhes são inerentes. Quando surgem líderes que afirmam o progresso só ser possível com a eliminação de tais ou quais dos cidadãos, tenham certeza, aí mesmo começou o processo sinistro da tirania.

ÁRIES 21-3 a 20-4

Ainda que você nunca se torne capaz de enunciar o Plano Maior em que sua alma está inserida, mesmo assim só a mera suspeita deste ser real será suficiente para continuar motivando-se a dar seu melhor a todo momento.

TOURO 21-4 a 20-5

Que a vida seja sempre maior não deve ser motivo de desânimo, mas de entusiasmo, porque significa que a despeito de toda tentativa de domínio ou controle, sempre haverá surpresas a revelar nuances novas do Universo.

GÊMEOS 21-5 a 20-6

A espontaneidade resolverá tudo e, por isso, você precisará apenas ficar com a alma leve e aberta para o que der e vier. Quaisquer predisposições ou intenções diminuirão a possibilidade de você agir espontaneamente.

CÂNCER 21-6 a 21-7

Aceite o que acontece em vez de continuar na linha pensada originalmente. Isso parecerá um desvio, mas na prática servirá para você tornar-se um pouco mais flexível e experimentar formas diferentes de chegar ao mesmo lugar.

LEÃO 22-7 a 22-8

Melhor sentir vergonha pelos erros cometidos do que dar de ombros e convencer-se de ter tido direito de agir como agiu. A vergonha, ainda que incômoda, pelo menos sinaliza que os princípios continuam incólumes.

VIRGEM 23-8 a 22-9

Preserve uma visão positiva, apesar das adversidades. Dizer isso é, certamente, muito mais fácil do que praticá-lo. Porém, é na prática que se demonstra a radical diferença entre as pessoas comuns e as especiais.

LIBRA 23-9 a 22-10

Prosperar não é algo que aconteceria auto-maticamente, é fruto de esforço. No momento, esse esforço

é ainda mais complexo, porque não é seu apenas, é um esforço em conjunto, várias pessoas precisam ser sincronizadas.

ESCORPIÃO 23-10 a 21-11

Resistir parece uma

opção digna, mas se o momento for cheio de transformações positivas, essa virtude se transformaria em seu oposto imediatamente. Por isso, confira se é melhor mesmo continuar resistindo.

SAGITÁRIO 22-11 a 21-12

Deixar de lado assuntos que interessam diretamente a você para ajudar quem necessita é uma das manifestações mais dignas da alma, a prova de que nossa humanidade está mais perto do céu do que da Terra.

CAPRICÓRNIO 22-12 a 20-1

Fazer piada de tudo e de todos torna o ambiente mais leve, mas nem sempre isso é garantido. Há momentos em que as pessoas as-sumem esse jeito como algo agressivo e aí o que era para ser bom se transforma em ruim.

AQUÁRIO 21-1 a 19-2

Nada é demais! Acontece apenas o que sua alma é capaz de administrar. Por isso, se você levar um susto perante os acontecimentos e achar que tudo é areia demais para seu caminhão, reconsidere e siga em frente.

PEIXES 20-2 a 20-3

Nada de dormir sobre os louros conquistados, este seria um erro fatal no momento. Nada acabou, tudo continua, tudo tem neste momento uma prova de realidade, para conferir se é isso mesmo ou se não passa de ilusão.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.