Artistas mostram seus móbiles em SP

O Galpão Design inaugura amanhã a exposição Móbile com os trabalhos de artistas plásticos e designers gráficos e de jóias que projetaram suas esculturas que se movimentam no ar batizadas móbiles. Guto Lacaz Ricardo Ohtake, Arnaldo Battaglini, Miriam Mamber e Rafic Farah foram convidados pela arquiteta e proprietária do Galpão Design, Silvia Prado Segall, para exporem suas produções.Os móbiles foram inventados pelo artista americano Alexander Calder, que criou as primeiras esculturas dinâmicas quando estudava engenharia e arte na década de 20, em Paris. Suas criações produzidas com arame e peças de metal tornaram-se, desde aquela época, sua marca registrada.Na exposição, Guto Lacaz apresenta a obra Mondri-Móbile, composta por quadrados azul, vermelho e amarelo, uma referência ao trabalho de Piet Mondrian. O design gráfico Ricardo Ohtake utilizou madeira e fitas e o artista plástico Arnaldo Battaglini fez um "desenho" de metal que flutua no espaço. Já a designer de jóias Miriam Mamber produziu dois móbiles-jóias feitos de prata, pedras de âmbar e madrepérola para enfeitar casas. As obras variam de R$ 1 mil a R$ 8 mil. Móbile - De segunda a sexta, das 10 às 19 horas; sábado das 10 às 16 horas. Galpão Design (Rua Aspicuelta, 145); tel. 3819-3393. Até 10/9. Abertura amanhã, às 10 horas

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.