Iugo Koyama/Estadão Conteúdo/AE
Iugo Koyama/Estadão Conteúdo/AE

Artistas homenageiam Rogéria por pioneirismo

Atriz e cantora morreu nesta segunda-feira no Rio, aos 74 anos

O Estado de S.Paulo

05 de setembro de 2017 | 02h56

A morte de Rogéria no final da noite desta segunda-feira, 4, se tornou um dos assuntos mais comentados em redes sociais no Brasil até o início desta terça, 5. As publicações com maior repercussão são de artistas, amigos da atriz e cantora, que exaltam sua alegria e pioneirismo nos palcos, na TV e no cinema.

A importância de Rogéria para a visibilidade do movimento LGBT no Brasil é unanimidade entre os demais artistas, que a agradecem por quebrar barreiras desde os anos 1960, quando começou a se apresentar como transformista. "Ah, Rogéria! Logo agora", lamentou a cartunista Laerte Coutinho. "Você abriu as portas para todas nós", disse a modelo Lea T. "Você me ensinou a ser mulher", agradeceu a ex-chacrete Rita Cadillac.

Veja a repercussão da morte de Rogéria em publicações nas redes sociais:

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.