Artes plásticas perdem Menacho

Morreu na última sexta-feira, em São Paulo, vítima de enfarte, o artista plástico Manoel Martins Menacho, aos 85 anos. Nascido em 15 de novembro de 1926, no município paulista de Jarinu, o pintor e gravador se formou na Escola de Belas Artes de São Paulo. Na instituição, teve como mestres o pintor Scavonne e o gravador Lívio Abramo, entre outros. Menacho, que foi da turma dos artistas Aldo Bonadei e Yolanda Mohaly, realizou exposições, principalmente, nas décadas de 1950 e 60. Dentre elas, podem-se destacar, em 1959, a participação no Salão Paulista de Belas Artes, na Galeria Prestes Maia, e, em 2004, a mostra Artistas Contemporâneos, no Clube Sírio.

, O Estado de S.Paulo

17 de maio de 2011 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.