"Arquivo X" estréia oitava temporada

Um dos seriados de TV mais populares em todo o mundo volta cheio de novidades em sua nova temporada, que começa em 5 de novembro na emissora americana Fox. Arquivo X, depois de muita especulação de que poderia ser cancelado no final da temporada passada, ganha fôlego com uma trama bizarra e um novo integrante em seu elenco.A oitava temporada da série começa com a gravidez da agente do FBI Dana Scully, interpretada por Gillian Anderson. O pai do bebê pode ser seu parceiro desaparecido, o agente Fox Mulder (David Duchovny), que foi seqüestrado por alienígenas no último episódio da temporada passada, em maio. Mulder vai voltar, mas Scully já arrumou outro parceiro, o agente John Doggett (Robert Patrick, que participou recentemente do elenco do seriado do HBO Família Soprano e é conhecido por ser o vilão do filme O Exterminador do Futuro 2. A notícia da gravidez também vai ser revelada no início da temporada. Um dos mitos de Arquivo X era o de que Scully era estéril.O criador da série, Chris Carter, não confirma que o pai do bebê é Mulder. Em entrevista para a revista Entertainment Weekly, ele disse que há uma possibilidade "hipotética". "Eles são pessoas que mantiveram uma relação de respeito muito poderosa", disse o produtor. "Como em todas as relações entre homem e mulher, os sentimentos podem ser expressos de uma maneira física. Não acho que seria desonesto para eles terem feito isto."A "verdade" sobre a gravidez de Scully deve ser relevada antes do final deste ano, garante Anderson. "Eu tenho confiança e, possivelmente, informação privilegiada", ironizou a atriz. A relação de Scully e Mulder, cheia de tensão afetiva e sexual, sempre foi um dos "truques" mais explorados por Carter para atrair atenção para a história. Vários episódios do programa já tiveram polêmicas sobre "climas" e beijos românticos entre os dois: o mesmo ocorreu no longa-metragem da série, Arquivo X: O Filme, exibido em 1998.A nova temporada de Arquivo X é um fenômeno inexplicado em si, depois de muita controvérsia relacionada com a série no início deste ano. Duchovny, que processava a emissora Fox e o produtor por conta de participação nos lucros do programa, não queria renovar seu contrato. Depois de muitas negociações, o ator concordou em voltar para fazer 11 episódios desta temporada, por um salário não-revelado. A ação na Justiça também desapareceu. Carter renovou seu contrato em maio; o de Anderson chega ao final em meados de 2001.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.