Armani mostra coleção na Semana de Moda de Londres

O estilista Giorgio Armani apresentou nesta quinta-feira sua coleção Primavera-Verão 2007 na Semana de Moda de Londres, em um desfile realizado na sala Earls Court caracterizado pelo jornal britânico "Daily Mirror" como "a festa do ano". O evento contou com uma platéia recheada de famosos, entre eles o ator Leonardo DiCaprio, o vocalista do U2, Bono Vox e a cantora Beyonce Knowles, que fez uma participação especial cantando o hit "Déjà Vu". O "Daily Mirror" escreveu que "se não você não foi à festa, você não é ´ninguém´" - insinuando que as celebridades que estão "em alta" certamente não deixaram de comparecer à festança.Um total de 40% da renda obtida nesta noite será doado à instituições de caridade que ajudam vítimas da Aids na África, segundo declarou Armani ao jornal. "Será a maior festa que já organizei na vida, maior até que as que fiz em Nova York, Paris ou Milão", disse ainda o estilista, que trocou pela primeira vez as passarelas de Milão pelas de Londres.O integrante da banda Razorlight, Carl Dalemo, contou que Bono os convidou para cantarem na festa. "Bono falou pessoalmente com o nosso vocalista, Johnny Borrell, e não havia como negar um pedido dele. Eu nunca tive muito interesse em moda e nunca usei um terno Armani, mas nós (o grupo) recebemos ternos de graça para o evento. Eu jamais podia imaginar que a sensação de usar um era tão boa!".Bono Vox, ligado à causas humanitárias, fez um discurso, antes que Bryan Ferry, introduzido ao palco pela atriz da série de TV "Sex And The City" Kim Cattrall, cantasse os hits "Slave To Love, Love Is The Drug" e "Let´s Stick Together".E tem mais. O rapper 50 Cent se apresentou e foram transmitidas "mensagens" gravadas pela atriz espanhola Penélope Cruz e pelo ator norte-americano Sean Penn. No fim, subiu ao palco o cantor Andrea Bocelli. Coleções de mais de 200 estilistas estão sendo apresentadas na Semana de Moda de Londres, que começou na segunda-feira. O evento enfrentou pressões para seguir o exemplo da Pasarela Cibeles, de Madri, e proibir a presença de modelos exageradamente magras na passarela, mas o British Fashion Council (BFC), responsável pela organização da semana de moda, resolveu não adotar a medida.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.