Argo desbanca Lincoln mais uma vez e é o grande vencedor do Bafta

O drama Argo, do diretor e produtor Ben Affleck (foto), continua com sorte nas premiações: venceu o Bafta - prêmio da academia britânica de cinema e televisão - de melhor filme. Esnobado pelo Oscar 2013 na categoria de melhor diretor, Affleck também ganhou um Bafta por sua direção, deixando para trás Steven Spielberg (Lincoln) e Tom Hooper (Os Miseráveis). Ao todo, Argo levou três Baftas, incluindo o prêmio de melhor edição para William Goldenberg. Lincoln estava concorrendo com dez indicações. Mas, apesar do favoritismo, levou um único prêmio para casa: Daniel Day-Lewis venceu como melhor ator. Na categoria de melhor atriz principal, a vencedora foi Emmanuelle Riva, de 85 anos, por sua atuação em Amor, de Michael Haneke. O austríaco Christoph Waltz conquistou a honraria de melhor ator coadjuvante por Django Livre, de Quentin Tarantino. O prêmio de melhor atriz coadjuvante foi para Anne Hathaway, por sua atuação em Os Miseráveis. / AP

O Estado de S.Paulo

12 Fevereiro 2013 | 02h06

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.