Argentino leva melhor filme estrangeiro

"O Segredo dos Seus Olhos" desbancou o alemão "A Fita Branca", de Michael Haneke, considerado o grande favorito da categoria, para receber a estatueta das mãos dos cineastas Pedro Almodóvar e Quentin Tarantino. Também brigavam pela estatueta de Melhor Filme Estrangeiro o israelense "Ajami", o peruano "O Leite da Amargura" e o francês "O Profeta".

Agencia Estado

08 de março de 2010 | 02h52

"O Segredo dos Seus Olhos" reúne uma bela história de amor misturada com uma investigação de assassinato. A produção foi vencedora de vários prêmios do cinema argentino e levou o Goya, da Espanha, de melhor filme hispano-americano e de atriz revelação, para Soledad Villamil. O sucesso levou "O Segredo dos Seus Olhos" a se transformar na maior bilheteira da Argentina dos últimos 34 anos.

Antes de receber o Oscar na segunda indicação de um filme seu ao prêmio - em 2001 concorreu na mesma categoria com "O Filho da Noiva" - Campanella lembrou, com esperança, de que nas últimas edições os mais cotados não levaram a estatueta. E a história que se repetiu este ano, com a derrota de "A Fita Branca".

Tudo o que sabemos sobre:
OscarEstrangeiro

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.