Aragonés faz troça com vivos e mortos em novo HQ

O quadrinista espanhol Sergio Aragonés é famoso pelo escracho com que trata seus temas. Em seu novo trabalho ele não perdoa nem os mortos. Ou, melhor dizendo, os mortos é que não perdoam os vivos. Já está nas bancas o novo lançamento da Pandora Books, Dia de Los Muertos (24 págs., colorido, R$ 4,50), de Aragonés e de seu parceiro de longa data, Mark Evanier.Dia de Los Muertos é o mais recente trabalho de uma série feita por Aragonés para a Dark Horse americana, lançada apenas nos Estados Unidos. O primeiro, em 1998, foi The Boogie Man (o nosso Bicho-Papão). Em Dia de Los Muertos, primeiro a ser lançado no Brasil, Aragonés se debruça sobre personagens e histórias de terror, transformando-os em "terrir".Leia mais

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.