Após festa, Madonna e Demi serão vacinadas contra hepatite

Funcionário infectado obriga convidados do aniversário de Ashton Kutcher a serem vacinados contra Hepatite A

Efe

22 Fevereiro 2008 | 21h33

Madonna, Bruce Willis, Gwyneth Paltrow, Salma Hayek e outros famosos de Hollywood deverão ser vacinados como medida preventiva frente à hepatite A, após terem comparecido há duas semanas à festa de aniversário do ator Ashton Kutcher, marido da atriz Demi Moore, realizada em uma casa noturna de Nova York.   A recomendação partiu nesta sexta-feira, 22, de autoridades sanitárias nova-iorquinas, depois da detecção do vírus da hepatite A em um dos garçons que trabalhou na noite do último dia 7, dia da festa.   "Qualquer cliente que visitasse a casa depois das oito da noite de 7 e 8 de fevereiro e depois das dez da noite de 11 de fevereiro (horários nos quais trabalhou a pessoa infectada) deve considerar que está em risco e necessita de vacina preventiva", advertiu o Departamento de Saúde e Higiene Mental da Prefeitura de Nova York em Comunicado.   Os donos da casa noturna "Socialista" calculam que até 800 pessoas podem ter comparecido ao local nas três noites citadas.   O Departamento de Saúde de Nova York lembra no comunicado que o vírus da hepatite A pode ser transmitido por meio das mãos de uma pessoa infectada e pode contagiar por contato direto ou pelo consumo de alimentos ou bebidas que foram manipulados pelo portador do Vírus.   A maioria das pessoas com hepatite A melhora em poucas semanas, sem maiores complicações.

Mais conteúdo sobre:
Madonna, Demi MooreHepatite A

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.