Após 40 anos, Tônia Carrero encara Dürrenmatt

Há mais de quatro décadas, o diretor Adolfo Celi propôs à atriz Tônia Carrero montar a peça A Visita da Velha Senhora, texto que se tornou clássico do suíço Friedrich Dürrenmatt. "Não aceitei porque sabia que não estava preparada", justifica Tônia que, passado o tempo e agora com 52 anos de palco, descobriu-se, enfim, segura - depois de uma temporada carioca, a peça estréia hoje na espaçosa sala do Teatro Sérgio Cardoso.Trata-se, na verdade, de um exigente papel. Tônia interpreta Clara Zachanassian, que nasceu pobre e, ainda jovem, engravidou de Alfred, filho da principal família da cidade. Apesar de pedir o reconhecimento da paternidade nos tribunais, ela é tratada como prostituta e expulsa do município. Quase 50 anos depois, quando a cidade está falida, Clara retorna, milionária e oferecendo ajuda ao preço da morte de Alfred. Depois de alguma resistência moral inicial, a honesta comunidade lincha Alfred, cuja morte é atribuída a um ataque cardíaco."Clara é como as heroínas da tragédia grega, pois sabe que vai alcançar o que quer por causa da fraqueza humana", afirma Tônia. "Se o mundo me transformou em uma prostituta", ela diz, "então faço do mundo um bordel." Para ela, a peça faz uma denúncia de como o poder destrói e manipula. "E se trata de um tema atual, pois o mundo continua movido a dinheiro."A Visita da Velha Senhora é dirigido por Moacyr Góes, que conheceu o texto de Dürrenmatt quando estava na universidade. "Naquela época, eu entendia Clara como a expressão do Plano Marshall invadindo a Europa destruída pela 2.ª Guerra Mundial", comenta. "Hoje, vejo no texto a profecia de um mundo globalizado fundado na idéia avassaladora de destruição moral e ética, em que a ilusão de felicidade é edificada sobre o cadáver de um homem."A Visita da Velha Senhora. Direção Moacyr Góes. Duração 115 min. Sexta e sábado, às 21 horas; domingo, às 18 horas. R$ 40,00 e R$ 50,00 (sáb.). Teatro Sérgio Cardoso. Rua Rui Barbosa, 153, tel. 288-0136. Estréia amanhã.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.