Aparelho de massagem estrangula mulher na Flórida

A morte de uma mulher na Flórida, Estado Unidos, foi aparentemente causada quando um aparelho de massagem que usava no pescoço enganchou em seu colar e a estrangulou, disseram investigadores na quarta-feira.

REUTERS

29 de dezembro de 2010 | 20h14

A médica de 37 anos, Michelle Ferrari-Gegerson, estava embrulhando presentes de Natal e usou o aparelho para aliviar dores no pescoço, disseram os investigadores de polícia do condado de Broward.

Seu marido a encontrou inconsciente no chão do quarto em sua casa, em Fort Lauderdale, e chamou a emergência. Os paramédicos a pronunciaram morta no local.

O aparelho foi encontrado no chão ao lado da mulher. A morte parece ter sido acidental, mas investigadores de homicídios não podem liberar mais informações detalhadas até que a investigação se complete, disse um porta-voz da polícia.

Tudo o que sabemos sobre:
ODDEUAMASSAGEMMORTE*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.