Greg Allen/AP
Greg Allen/AP

Aos 82 anos, ator Joel Grey assume sua homossexualidade

Vencedor do Oscar foi casado com a atriz Jo Wilder por 24 anos

REUTERS

30 Janeiro 2015 | 09h00

O ator Joel Grey, vencedor do Oscar pelo seu papel em Cabaret, contracenando com Liza Minnelli, e que foi casado com a atriz Jo Wilder por 24 anos, revelou publicamente nesta semana que é gay. Pai da atriz Jennifer Grey, que também tem um filho, ele disse à revista People que sua família e seus amigos sabem sobre sua sexualidade.

"Eu não gosto de rótulos", disse Grey na edição da revista a ser publicada na sexta-feira, "mas se você tem que colocar um rótulo, eu sou um homem gay." O ator conversou sobre sua infância em Cleveland, Ohio, e disse ter ouvido adultos falarem sobre homens gays sendo presos por causa da sexualidade. Grey disse que naquela mesma época, ele percebeu que tinha atração por meninas e meninos.

Grey foi o primeiro a fazer o papel de mestre de cerimônias no musical da Broadway Cabaret, em 1966, e ganhou o Prêmio Tony pelo seu desempenho. Ele ganhou um Oscar pela versão de 1972 da peça nos cinemas.

Jennifer Grey, mais conhecida pelo seu papel em 1987 em Dirty Dancing, com Patrick Swayze, disse à revista People que estava satisfeita com o fato de o pai se sentir confortável e seguro o suficiente para declarar a sua sexualidade publicamente.

"Principalmente porque mais pessoas têm a liberdade de possuir sua verdadeira natureza e podem se aproximar do amor e aceitar-se como realmente são, não importa a idade, não importa quanto tempo leva, para finalmente ficar livre das mentiras ou meias verdades, é a liberdade", disse ela.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.