Anunciados os dez finalistas do Prêmio Telecom

Os dez finalistas do Prêmio Portugal Telecom de Literatura Brasileira de 2004 foram anunciados anteontem. Na disputa do prêmio de estão Sérgio Sant´Anna, com a obra O Vôo da Madrugada, Marcelo Mirisola, com Bangalô, Paulo Henriques Britto, com Macau, Bernardo Carvalho, com Mongólia, Augusto de Campos, com Não, Micheliny Verunschk, com Geografia Íntima do Deserto, Chico Buarque, com Budapeste, Manuel de Barros, com Memórias Inventadas - A Infância, Luiz Antonio de Assis Brasil, com A Margem Imóvel do Rio e Décio Pignatari, com Céu de Lona. Os quinze críticos do Júri Nacional e os cinco integrantes da Comissão Artística chegaram a uma composição equilibrada, com igual peso para prosa e poesia, e pelo menos duas surpresas: a poeta pernambucana Micheliny Verunschk e o gaúcho Luiz Antonio de Assis Brasil. A final ocorrerá no dia 9 de novembro na Sala São Paulo. Além do troféu, entregue aos três primeiros colocados e as suas respectivas editoras, os autores vencedores recebem uma premiação em dinheiro nos valores de R$ 100 mil, R$ 30 e R$ 20 mil (primeiro, segundo e terceiro colocados, respectivamente).

Agencia Estado,

12 de agosto de 2004 | 11h53

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.