MUSEU DA IMIGRAÇÃO/VANESSA CANOSO
MUSEU DA IMIGRAÇÃO/VANESSA CANOSO

Aniversário de São Paulo: Museu da Imigração comemora a data; conheça outros eventos

Na programação, há opções online de debates, oficinas, para evitar aglomeração durante a quarentena, e ao ar livre, respeitando as regras sanitárias

Redação, O Estado de S.Paulo

21 de janeiro de 2021 | 10h43

A pandemia não impediu os festejos dos 467 anos de São Paulo e diversos espaços culturais, museus e teatros prepararam atividades para resgatar a história e memória da capital paulista.

Na programação, é possível encontrar debates, oficinas, atividades ao ar livre, respeitando as regras sanitárias, e online, para evitar aglomeração durante a quarentena. 

Confira a lista de atividades para o fim de semana e o feriado.

Museu da Imigração

Nesta quinta, o Museu da Imigração inicia com lives sobre os monumentos da cidade, a partir das 17h, no Instagram da instituição. No sábabado, 23, às 15h, a oficina Ponto a Ponto vai ensinar o público técnicas de ponto cruz para iniciantes, por meio da plataforma Zoom. Para se increver, basta acessar o site do museu.

No dia do aniversário da cidade, na segunda, 25, às 15h, o museu vai realizar a aplicação de lambe-lambes com o rosto de pessoas nos muros em frente ao museu. No mesmo dia, os artistas responsáveis vão falar sobres seus trabalhos no Instagram do museu. 

Museu do Ipiranga

A comemoração do Museu do Ipiranga fica com o lançamento da campanha digital 'São Paulo – Território em Construção', no dia 25, contendo iconografia do acervo, depoimentos de historiadores, arquitetos e urbanistas. O público será convidado a pensar as transformações que ocorreram na cidade, da sua fundação, ao período colonial, até chegar na grande metrópole de hoje. Também será possível conhecer os principais cartões postais da cidade, como o Pátio do Colégio, a Avenida Paulista e a Avenida Nove de Julho. O site estará disponível no dia 25. 

Para crianças

O Parque Villa-Lobos e as Bibliotecas de São Paulo vão reunir o público infantil com histórias temáticas sobre o aniversário da capital paulista. No sábado, 23, a Biblioteca Villa-Lobos recebe Kelly Orasi para o evento Crônicas de São Paulo: um olhar indígena, de Daniel Munduruku. No domingo, 24, é a vez de Paula de São Paulo, e Mariângela Bueno e Sofia Dreyfuss, que será interpretada por Paula Dugaich. As atividades presenciais têm vagas limitadas, preenchidas por ordem de chegada, das 14h às 14h45. Para mais informações, confira o site

A Biblioteca de São Paulo realiza, no domingo, 24, a apresentação Um passeio pela cidade de São Paulo, de Iracema Cerdán Galves, com o grupo Tricotando Palavras. Veja como participar no site.

Arte urbana

Na segunda, 25, às 18h30, o artista Caio Fazolin e a sociológia Tatiane Gonzalez participam da intervenção artística 'São Paulo, Cidade-Ciência', um vídeo mapping que retrata os avanços da tecnologia na capital projetado na fachada do Instituto Butantan. Para assistir, basta acessar o link.

Casa das Rosas

Na segunda, 25, a Casa das Rosas promove um encontro com Júlio Mendonça, o coordenador do Centro de Referência Haroldo de Campos. No evento, Mendonça trará reflexões do poeta e o cosmopolitismo de Haroldo de Campos, que viveu toda sua vida no mesmo bairro de São Paulo. De Perdizes às Galáxias - O cosmopolitismo de Haroldo de Campos será realizado das 19h às 21h. Para mais informações confira o site.

Casa Mário de Andrade

No sábado, 23, das 16h30 às 18h, Victor Kinjo realiza a aula-show Água do meu Tietê, onde me queres levar? na Casa Mário de Andrade. Ao lado de convidados, ele vai destacar a importância do meio-ambiente a partri da rio que inspirou Mário de Andrade em seu último poema A Meditação sobre o Tietê (1945). O encontro tem vagas limitadas a 200 pessoas. Para participar, é preciso se inscrever no site

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.