Andrea Bocceli deve cantar em enterro de Pavarotti

Políticos e artistas de todo mundo são esperados na cerimônia fúnebre no sábado

Assimina Vlahou, BBC

07 de setembro de 2007 | 13h26

O vocalista do grupo irlandês U2, Bono Vox, e o tenor italiano Andrea Bocelli são alguns dos famosos que devem comparecer ao funeral de Luciano Pavarotti neste sábado na catedral de Modena, cidade natal do cantor lírico morto na quinta-feira.  Veja também:Morre Luciano Pavarotti, um dos mais importantes tenores da históriaPavarotti, cantor de voz belíssima, com dicção impecávelLuciano Pavarotti, o tenor inconfundível Fãs chegam sem cessar para o velório de PavarottiOpinião: A música na memória da italianidadePavarotti - Nessun Dorma  Os Três Tenores - Nessun Dorma James Brown & Pavarotti Luciano Pavarotti - Ave Maria - Schubert Queen + Luciano Pavarotti - Too Much Love Will Kill You Bocelli deverá cantar alguns trechos da liturgia durante a missa, que será transmitida pela televisão italiana. Políticos e artistas italianos e estrangeiros deverão comparecer à cerimônia fúnebre marcada para as 15h na Itália (10 horas no horário de Brasília). No final, a patrulha aérea das Forças Armadas Italianas, conhecida como "flechas tricolores" devido à fumaça com as cores da bandeira nacional que soltam (verde, vermelha e branca), vai sobrevoar a catedral prestando homenagem a Pavarotti. Há alguns anos, Luciano Pavarotti permitiu que a patrulha aérea usasse uma gravação do célebre trecho Vincerò da ária Nessun Dorma da ópera Turandot, de Puccini, para encerrar suas exibições. "Nos sentimos honrados que Pavarotti tenha nos permitido usar sua voz, agora lembraremos dele até o fim de nossos vôos", comentou o major Massimo Tamaro em entrevista ao jornal Corriere della Sera. Até a manhã de sábado, o corpo do tenor vestido com smoking preto e gravata borboleta branca - figurino que usava quando se apresentava em óperas líricas - vai ficar exposto na catedral de Modena, onde está recebendo as homenagens do publico desde quinta feira à noite. Milhares de pessoas emocionadas enfrentam filas para dar adeus a "Big Luciano", ("Grande Luciano") como era chamado. Ao saírem do velório, elas ganham uma fotografia do tenor como recordação. Nas filas, pouca gente veste luto, respeitando um desejo do próprio tenor. Pouco antes de morrer, Luciano Pavarotti tinha pedido ao prefeito de Modena que durante seu enterro as pessoas não usassem roupas pretas. O cantor gostava muito de roupas coloridas e sempre usava camisas com cores fortes em estilo havaiano, com estampas floridas. Considerado uma espécie de herói nacional por ter divulgado a cultura italiana no mundo, nos últimos anos Pavarotti sofreu pelas críticas recebidas em seu país, principalmente por causa das incursões que fez na música popular. "Muitas pessoas que vão comparecer ao funeral de Pavarotti deveriam fazer um exame de consciência e considerar que deviam tê-lo tratado melhor quando estava vivo", comentou Katia Ricciarelli, soprano italiana que se apresentou diversas vezes com o tenor. "O panorama da música lírica perde um personagem importante, uma das vozes mais bonitas do século", disse a cantora. Apesar de ter conquistado grande popularidade por misturar música lírica com canções populares, Pavarotti queria ser lembrado como cantor de ópera. Isso ficou claro em uma espécie de testamento espiritual que publicou em seu site pouco antes de morrer. "Espero ser lembrado como cantor de ópera, como representante de uma forma de arte que encontrou sua máxima expressão no meu país. Por sorte a vida nos apresenta momentos diferentes e como meus predecessores, inclusive o grande Caruso, amo a diversidade musical dos trechos escritos para voz de tenor." A última apresentação pública de Luciano Pavarotti foi em fevereiro deste ano, durante a cerimônia de inauguração dos Jogos Olímpicos de Inverno, na cidade de Turim.  BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.