Amy Schumer faz paródia de música de Beyoncé e é acusada de racismo

Amy Schumer faz paródia de música de Beyoncé e é acusada de racismo

Comediante aparece dançando ao lado da atriz Goldie Hawn; assista

AP, O Estado de S. Paulo

25 de outubro de 2016 | 11h25

A comediante Amy Schumer é alvo de críticas e acusações de racismo após gravar um vídeo parodiando o clipe de 'Formation', da cantora Beyoncé. 

Na versão, Amy aparece dançando e cantando ao lado da atriz Goldie Hawn. Apesar do vídeo ser divulgado pela plataforma Tidal, pertencente a Jay-Z, muitos fãs da cantora criticaram a comediante.

Em resposta, Amy respondeu em sua conta no Instagram agradecendo o serviço de música Tidal por liberar o que ela chama de "homenagem."

Tudo o que sabemos sobre:
BeyoncéGoldie HawnTwitter

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.