Alterações na grade geram críticas na Globo

As constantes mudanças de horário da programação da Globo vêm provocando insatisfação entre autores e diretores da emissora. A programação da rede dos Marinhos está sofrendo modificações bruscas nos últimos dias,com atrações sendo esticadas, outras sendo encurtadas, capítulosde novelas divididos em dois e coisas desse tipo.Tais alterações, que têm como causas as intervenções doBig Brother Brasil na programação e a preocupação com oconcorrente Casa dos Artistas 2, do SBT, estão esquentandoos ânimos de muita gente na Globo.Corre nos bastidores da emissora que são freqüentes asreclamações do diretor Wolf Maya e do autor Carlos Lombardi porcausa das mudanças de horário da minissérie O Quinto dosInfernos.A trama, que estava prevista para ir ao ar por volta das22h30, como foi nos primeiros capítulos, não tem mais hora certapara entrar na programação, sendo exibida cada dia mais tarde.As alterações interferem no ibope dos programas. Na terça-feira,O Quinto foi exibido às 23h30, marcando 19 pontos deaudiência. Nos capítulos iniciais, a trama chegava à marca de 35pontos. São constantes também as mudanças de horário do JornalNacional, que em alguns dias tem duração esticada para quaseuma hora, para combater a Casa 2, do SBT.Apesar do bom ibope, as mudanças em O Clone tambémparecem estar incomodando muita gente. Por causa do BigBrother Brasil, alguns capítulos da trama estão sendoreeditados para ficarem mais longos. Há também casos em que ascenas gravadas, e previstas para serem exibidas em um capítulo,foram divididas e exibidas em dois, o que tem rendidoreclamações da autora, Glória Perez.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.