Alexis Jenni ganha Prêmio Goncourt

O professor de biologia Alexis Jenni foi anunciado ontem como o ganhador do Goncourt, considerado o prêmio literário mais importante da França. O escritor de 48 anos foi contemplado por seu primeiro romance, A Arte Francesa da Guerra, no qual escreve sobre as guerras coloniais entre a Argélia e o Sudeste Asiático. Entre vencedores anteriores, estão nomes como os de Marcel Proust, Simone de Beauvoir e Marguerite Duras. Em outra premiação, também realizada ontem, o escritor Emmanuel Carrère conquistou o Renaudot por seu livro sobre Eduard Limonov, um dos fundadores do Partido Nacional Bolchevique. / EFE

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.