Al Capone, na visão de quem entende

Uma História de Luta

Luiz Carlos Merten, O Estado de S.Paulo

19 de outubro de 2010 | 00h00

15h40 na Globo

(Going To The Mat). EUA, 2003. Direção de Stuart Gillard, com Andrew Lawrence, Khleo Thomas, Alessandra Toreson, Billy Aaron Brown.

Garoto cego não aceita as próprias limitações e vive se propondo novos desafios. Quando a família se muda para Nova York e ele ingressa numa escola diferente, encara a necessidade de ser aceito pelos colegas. Como? Ingressando na equipe de lutas e integrando conjunto musical.

O diretor Gillard segue a média das produções de TV.

Não espere dele nada especial. Reprise, colorido, 98 min.

À Queima Roupa 3

22h na Rede Brasil

(Family of Cops III - Under Suspision). EUA, 1999. Direção de Sheldon Larry, com Charles Bronson, Sebastian Spence, Barbara Williams.

Terceiro da série com Charles Bronson na pele do patriarca de uma família de policiais. No primeiro filme, ele voltava à ativa para livrar os filhos da acusação de corrupção. No segundo, investigou assassinato de padre. No terceiro, caça assassino de banqueiro e suas investigações o levam à cúpula da própria polícia. Bronson foi um grande coadjuvante (e fez grandes filmes). Sua fase de astro foi a mais discutível de sua carreira, com aquele desejo de matar (de seus personagens) que ele liberou em filmes sem maiores qualidades. Reprise, colorido, 90 min.

Pânico na Estrada

23H30 NO SBT

(Road Rage). Canadá, 2000. Direção de Sidney J Furie, com Casper Van Dien, Danielle Brett, Joseph Griffin.

Existe mais de um filme com este título e o que o SBT mostra hoje bem poderia ser Pânico na Floresta. Casal volta para casa e o marido "fecha" uma pick-up, o que quase provoca um acidente. Ele se desculpa, mas o outro motorista não se dá por satisfeito e inicia uma perseguição. Onde entra a floresta? Veja - Casper Van Dien, de Tropas Estelares, tem o queixo quadrado de Dick Tracy e do lendário "homem do rifle",Chuck Connors. Reprise, colorido, 89 min.

Intercine

2h20 na Globo

A emissora exibe o preferido do público entre - O Cadete Winslow, de David Mamet, baseado na peça de Terence Rattigan que já havia sido filmada como Um Caso de Honra; a nova versão traz Nigel Hawthorne, Jeremy Northam, Rebecca Pidgeon e Guy Edwards na história do pai intransigente cujo filho é acusado de roubo na academia militar e ele, para limpar seu nome, "quase" sacrifica a família; e Uma Virada do Destino, de Gillies Mackinnon, com Steve Martin, Gabriel Byrne, Laura Linney, Catherine O" Hara e Stephen Baldwin, sobre marceneiro que adota garota abandonada em sua porta e briga na Justiça com o verdadeiro pai, um político que não liga muito para a garota, mas espera

faturar com o caso.

Horizonte de Glória

3h25 na Rede Brasil

(Flying Leathernecks). EUA, 1951. Direção de Nicholas Ray, com John Wayne, Robert Ryan, Jay C. Flippen, Janis Carter, Don Taylor.

Cineasta crítico do sonho americano, com seus personagens via de regra desequilibrados emocionalmente, Nick Ray assina aqui um dos filmes mais estranhos de sua carreira, mas bom. John Wayne faz oficial durão que trata seus recrutas na Força Aérea na base da pancada. Robert Ryan é militar menos robótico, que acha que ele deveria ser mais brando com seus homens. Boas cenas de ação (e aéreas), mas é bom ver com atenção para tentar descobrir onde, ou como, entra a célebre afirmação de Ray - "Cinema é a melodia do olhar." Reprise, colorido, 108 min.

Amanhã

A Globo exibe amanhã, no Intercine, o preferido do público entre - A Última Missão, de Anthony Hickox, com Armand Assante, Ornella Muti, Jurgen Prochnow e Aleksandra Vujcic, sobre agente que volta à ativa para missão que tem sabor de vingança, caçando espião russo que matou sua amada, ou seja, nada a ver com o filme homônimo de Hal Ashby com Jack Nicholson, dos anos 1970 (Inglaterra, Hungria, 2000, fone 0800-70-9011); e O Garoto de Harvard, de James Toback, com Adrian Grenier, Sarah Michelle Gellar, Joey Lauren Adams e Eric Stoltz, sobre atleta do basquete que aceita fazer acordo com a Máfia para vencer jogo importante; sua vida, compreensivelmente, vira pesadelo quando o caso é descoberto (EUA, 2001, fone 0800-70-9012).

TV Paga

Al Capone

1 H NO TCM

(Al Capone). EUA, 1959. Direção de Richard Wilson, com Rod Steiger, Fay Bainter, James Gregory, Martin Balsan, Nehemiah Persoff.

O cinema contou muitas vezes a história do lendário Al Capone, mas poucas vezes com a força desse filme que traz Rod Steiger no papel. O diretor Wilson integrou a equipe do lendário Mercury Theatre, de Orson Welles - e colaborou com o mítico (e inacabado) It"s all True. Como diretor de cinema, fez filmes muito bons - de gângsteres, westerns -, que os críticos nem sempre souberam valorizar. Jean Tulard, no Dicionário de Cinema, não exagera ao dizer que Paga ou Morre, que ele fez depois do cartaz de hoje da TV paga, com Ernest Borgnine, é mais autêntico que o próprio O Poderoso Chefão. Reprise, preto e branco, 105 min.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.