Aberta feira do livro de Ribeirão Preto

Aberta na manhã desta terça-feira a 2.ª FeiraNacional do Livro de Ribeirão Preto, a 310 quilômetros de São Paulo, com participação do escritor e cartunista Ziraldo, entre outros. Oevento, realizado pela Prefeitura e pela Câmara Brasileira do Livro (CBL), deve reunir até seu encerramento, no dia 8 de setembro, cerca de 250 escritores brasileiros e atrair um público de 130 mil pessoas. Entre os eventos paralelos estão programados bate-papos, palestras e lançamentos de livros com sessões de autógrafos. Outra atração é a exposição 100 Anos de Drummond, lembrando o centenário de nascimento de um dos maiores poetas brasileiros, Carlos Drummond de Andrade. O espaço para os estandes dos expositores aumentou este ano e, segundo os organizadores, o investimento foi de R$ 1 milhão. Segundo o secretário da Cultura de Ribeirão Preto, Galeno Amorim, o espaço físico da feira aumentou de 50 para 70 expositores e, além da Esplanada do Theatro Pedro II, os estandes estarão distribuídos pelas praças XV e Carlos Gomes,também no centro da cidade. Outra novidade será que neste ano haverá um patrono: Luiz Puntel, um best seller em livros infanto-juvenis. Em 2001, a Feira do Livro atraiu 120 mil visitantes evendeu 200 mil volumes. O número de visitantes deverá subir para 130 mil, segundo Amorim. Como no ano passado, dez bibliotecas serãoinauguradas durante o evento, compondo o projeto de instalar 80unidades novas na cidade até 2004. Até agora já foram abertas 21 bibliotecas, mas ainda não foi definido pela Prefeitura o valor do cheque-livro, que permitirá às escolas comprar livros na feira que já deu início à comercialização.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.