A rainha do silicone, pelas lentes de LaChapelle

Pamela Anderson, 34 anos, sempre teve grandes atributos. Grandes não, enormes. Não importa a situação, seja nas duas séries de TV que já participou, nas páginas de revistas ou até em um filme erótico caseiro que protagonizou com o ex-marido, o roqueiro Tommy Lee (com quem protagonizou também cenas de pancadarias domésticas), seus atributos estão lá.E não precisa ser nenhum crítico atento para notar suas qualidades. A partir do dia 9, terça-feira, os brasileiros poderão encontrar a musa siliconada em um polêmico trabalho nas páginas da Playboy. É mais uma prova que Pamela é muito, mas muito talentosa. A edição de outubro da revista traz um ensaio do prestigiado fotógrafo David LaChappele, conhecido por transformar simples idéias em épicos de cor e forma, publicado na Playboy americana em julho passado. A atriz encarna diversas fantasias, como uma pin-up dos anos 50, uma bond girl e uma rainha de formatura.Na época, a revista americana teria recebido uma série de reclamações e cancelamentos de assinaturas de leitores indignados com a aparência "plástica" de Pamela. Alguns disseram que a revista gastou US$ 60 mil para retocar as imagens. O assunto rendeu tanto que até Hugh Hefner, dono da marca Playboy, teve de sair em defesa da beldade negando a versão. A verdade é que todo o "talento" de Pamela Anderson vendeu mais de 3 milhões de exemplares.A edição brasileira da revista reservou um atrativo a mais para os admiradores do trabalho da atriz. O leitor terá uma seleção imperdível das melhores fotos de Pamela já publicadas. Estão lá o primeiro ensaio de 89, as picantes fotos de Richard Fegley e os cliques de Stephen Wayda.Descoberta em 89, a atriz canadense tem um currículo extenso. Já estrelou duas séries de TV - S.O.S. Malibu, ou Baywatch, exibido pela Sony, e V.I.P -, participou do filme Barb Wire e..., bem, seu currículo acaba por aí.Erotismo caseiro - Lembrando bem, ela já participou de outros quatro filmes. Um vídeo que continha cenas de Pamela Anderson e seu ex-marido, Tommy Lee, em uma excitante viagem de barco apareceu (muito misteriosamente) nas páginas da Internet no começo do ano passado. O vídeo caseiro se tornou em pouco tempo o filme adulto mais vendido do ano. Logo depois, outro vídeo caseiro de Pamela, em que ela aparecia com outro ex-namorado, também começou a ser comercializado misteriosamente. Para completar seu currículo cinematográfico, Pamela estrelou dois filmes da Playboy americana.Outro currículo que Pamela ostenta também é enorme: os seus vexames. A atriz já protagonizou brigas, provocações e bebedeiras, tudo diante das câmeras. Atualmente, muitos boatos dizem que Pamela Anderson está namorando o cantor arruaceiro Kid Rock. É bom ela ir se cuidando para nenhum outro vídeo particular sumir de sua coleção.As 16 páginas da Playboy dedicadas a Pamela Anderson servem para mostrar que Pamela Anderson continua a mesma. Todos os críticos são unânimes: Pamela é uma garota abençoada. Pelo menos pelos bisturis.

Agencia Estado,

04 de outubro de 2001 | 10h23

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.