A passarela ficou pequena para Aline Moraes

Aline Moraes estava na porta da agência de modelos Marilyn quando um homem a cutucou e disse: "Você é bem bonita". Foi há dois anos, época em que ela ainda fazia beicinho para sussurrar a famosa frase "igual ao pudim da mamãe" em um comercial de Leite Moça. Os galanteios não eram novidade para ela, acostumada, desde os 12 anos, a arrancar suspiros nas passarelas nacionais e internacionais. Mas aquele elogio era especial: vinha do diretor Alexandre Avancini que, na ocasião, garimpava books da Marilyn em busca de belos rostos para a tevê.Em 2001, as fotos da modelo foram parar no arquivo do diretor Ricardo Waddington, que a chamou para um teste. Pronto: ela estava no elenco da novela Coração de Estudante. Mesmo não sendo atriz, mesmo sem ter experiência. O papel era modesto e pouco comentado pelo público, bem diferente da homossexual Clara, a polêmica personagem que Aline interpreta hoje em Mulheres Apaixonadas. Na última segunda-feira, após matar a saudade das passarelas no desfile de primavera-verão do Morumbi Shopping, Aline falou ao JT. De malas prontas para voar de volta ao Rio na mesma noite, ela contou detalhes sobre o ritmo alucinado de gravações do final da novela.Você fez algum curso quando soube que seria atriz?Aline - Nunca estudei teatro, não fiz um curso específico. Minha interpretação é muito intuitiva.Você acha que intuição basta?Sei que só uma boa intuição não é suficiente. O ator precisa de técnica, sobretudo para fazer teatro. Mas até agora a intuição funcionou: termino a novela com a sensação de missão cumprida.Existe preconceito com quem chega à TV pelas passarelas?Existe sim! Mas acho que isso está mudando. Hoje há um número grande de modelos que viram atores. Entrar na TV até que é fácil, difícil é permanecer. Para isso, é preciso mostrar que existe mais do que beleza. Tem de ter talento.Você se considera talentosa?Estou aprendendo a ser atriz, mas não posso negar que a Clara está agradando. Mesmo assim, decidi que vou fazer um curso de interpretação com Antônio Amâncio para me aprimorar. Mas só quando as gravações da novela terminarem. Estou sem tempo para nada.O que você vai fazer quando a novela terminar?Vou tirar um mês de férias! Depois, quero seguir fazendo novelas. Muitas!

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.