A obra de Dalí viaja pela primeira vez a China

Pela primeira vez na história, a obra do genial pintor surrealista espanhol Salvador Dalí (1904-1989) viajará a China para uma exposição denominada pelo governo de Pequim como "o acontecimento artístico do ano". Segundo a Fundação Gala Salvador Dalí, em Figueras, a cidade natal do artista, a mostra, intitulada Salvador Dalí, terá caráter antológico e incluirá um total de 58 obras - 20 óleos e 38 desenhos - que serão exibidas na Galeria Nacional de Belas Artes de Pequim, entre 9 e 27 de junho.Datados entre 1920 e 1983, os trabalhos englobam toda a gama criativa de Dalí e entre eles destacam-se os óleos Retrato de Meu Pai (1920), Equilíbrio Intra-atômico de uma Pluma de Cisne (1947) e Cama e dois criados mudos atacando ferozmente um violoncelo (1983). Os 38 desenhos compõem a série que o pintor criou em 1945 para ilustrar uma edição de Dom Quixote, de Miguel de Cervantes.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.